Um Conto Indica: Dom La Nena

dom et le soleil
Um Conto Indica (ou UCI, para os íntimos) finalmente voltou e trazemos pra vocês, nossos leitores imaginários, uma moça ainda não muito conhecida aqui no Brasil, mas que vem recebendo comentários mui buenos em outros países. Dom La Nena é violoncelista, é compositora, é brasileira e é de Porto Alegre, mas tem em sua formação pessoal e artística vivências em tantos outros países que suas identificações de origem geográfica e cultural são, de fato, mutáveis.

E esse desapego geográfico aparece na canção “No meu país”, do seu disco de estreia, Ela, já lançado na Europa e EUA mas não ainda por aqui (está previsto para julho). “Não venho daqui, não venho de lá/ Não venho de nenhum lugar”, sussurra Dom nos nossos ouvidos, acompanhada de simples acordes de piano, violão e, claro, cello. A letra (bem simples) e o clipe, (também simples, e que você verá logo aqui abaixo) juntos, formam uma espécie de cartão postal saudoso, descrevendo que “no meu país/ se é feliz” e que “os homens são de qualquer cor”. Esse cartão, enviado para um amigo que ficou na Europa, mesmo que super romântico, é sincero.

Sinceridade esta que, em entrevista ao Jornal Zero Hora, Dominique reconhece: “Minha música também termina sendo uma mistura de todos esses países e gêneros musicais juntos, por isso também é difícil para mim catalogá-la em música “world”, “brasileira” ou “folk”. Penso que a principal qualidade do disco é que ele é sincero, sem ser fake, sem tentar imitar”, – conclui.

http://www.domlanena.com/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s